Preconceito e Discriminação: O Que São e Como Acabar Com Eles?


O Brasil é considerado um dos países de menores indícios de preconceito e discriminação, isto se deve ao contexto histórico, afinal os negros foram um dos primeiros povos, juntos com os portugueses, a habitar o país. Ao longo do tempo os brancos e negros foram se socializando. Particularmente, eu acho que é mais pela cultura do país em si, influenciado pelas maneiras e costumes dos povos que foram sendo formados ao longo dos séculos, afinal nos EUA os escravos chegaram há bastante tempo e lá os americanos são muito preconceituosos, inclusive com os latinos. Nesta era contemporânea esse sentimento cruel do ser humano continua e não está somente focado nas pessoas de outras cores ou de outras nações, mas pela opção sexual e até religião. No próprio Brasil é frequente os noticiários exibirem imagens de homossexuais sendo agredidos. Com a reformulação da lei, a discriminação contra o negro tem punições severas, porém é discriminado de maneira mais branda. Você nunca viu o comportamento das pessoas ou até mesmo o seu ao entrar alguém de cor negra no ônibus? Procura sentar-se ao lado do branco ou do negro no transporte público?

Leia: A Mulher Somente é Vítima do Estupro Por Não Saber se Comportar?

Eu mesmo já fui assaltado algumas vezes, e somente por afrodescendentes, mas antes de levar em conta a cor, é necessário pensar na situação social que eles se encontram por muitos lugares do país e do mundo. Nas favelas, não existe educação para todos e nem sempre existe uma Unidade Pacificadora da Polícia (UPP) por perto, restando nenhuma saída senão entrar para o crime ou virar um bandido autônomo (aquele que rouba por conta própria). É claro que mesmo se passasse fome, eu não roubaria, ao invés disto procuraria outras coisas para fazer, mas roubar jamais! Muitos não pensam assim, mas não é uma questão de ser negro ou branco e tem muitos branquelos roubando e matando por aí. Quando a escravidão foi abolida pela princesa Isabel (esquece essa que ela estava a fim de um negão; isto é história de pessoas sem cultura) e tire da sua mente a hipótese que ela era boazinha e queria que todos eles fossem libertados. A grande questão foi que a Inglaterra (hoje posa de boazinha, mas matou muitos na África e Índia!) queria vender produtos, afinal naquela época não existia os EUA como grande potência e nem a industrialização chinesa que atualmente faz comércio com todo o mundo. Para vender os seus produtos, ela precisava de mercado, dependendo assim do Brasil e mais de outros países do mundo. Todos precisavam de dinheiro e dependiam dos produtos ingleses. Então, a Inglaterra pressionou o Império para que libertassem os escravos, afinal escravo não comprava nada e nem tinha condições disto. Só que nos demais países, a libertação foi graduada, afinal os afro-descentes tinham que aprender a fazer outras coisas para serem absorvidos pelo mercado de trabalho. Mas se hoje o governo não dá muito atenção para os mais pobres, naquela época então nem se fala. Liberou todos, mas pra onde eles iriam? Não tinham nada, nem família, e os que tinham também eram escravos, não tinham casas, e agora? Muitos, quase a maioria, voltaram para a senzala e não tiveram a situação muito diferente de quando eram escravos oficiais, outros foram para os morros, construíram barracões e ali ficaram. Ou seja, saíram das senzalas e mudaram para as favelas. Esta é a verdadeira história. A princesa Isabel até podia ter pena dos escravos, como muitas pessoas boas da época, mas mesmo se pudesse, não poderia, afinal os empresários e grandes latifundiários mandavam e desmandavam no país.

Então, voltando ao assunto, vamos ao que mais nos interessa:


Preconceito

É o sentimento referente a um grupo de pessoas (homossexuais, emos, hippies, rockeiros, funkeiros, pagodeiros, ciganos...), classe social (pobre, média, alta), características físicas (negra, branca, gordo, alto, baixo...). O preconceito é gerado e conservado através da influência histórica e passada de geração a geração dentro das famílias. Foi e é responsável por vários extermínios em massa, guerras santas e guerras em geral. Um exemplo é o preconceito contra empregos que não necessita de muitos estudos. O preconceito é uma atitude e gera estereótipos. Eles são os responsáveis por designar o conceito e são derivados dos sentimentos, exemplos: "O lixeiro é sujo e não tem capacidade de ter outra profissão porque é burro". "Todo flamenguista é negro, enquanto os corintianos são ladrões e são paulinos homossexuais". "Os negros  têm má índole e são marginais."

Discriminação

Após a formação dos estereótipos, vem a ação negativa ou prejudicial contra os membros de um grupo, simplesmente porque eles fazem parte deste grupo. É uma coisa triste de ser ver na sociedade que se rotula de moderna e evoluída tecnologicamente. A discriminação é quando fazemos pouco caso com alguém simplesmente porque ela é negra, porque ela mora em um lugar pobre e por isso não serve nem para informamos a hora ou dar atenção a quem daríamos se estivéssemos diante de alguém que aparentasse ter mais dinheiro. Mas sabe o que eu vejo? Vejo que geralmente as pessoas com dinheiro são as mais irritadas e escandalosas e muito difíceis de lidar. Não estou querendo criar um estereótipo, mas faço questão de dizer que as pessoas são boas ou más pelo caráter. Assim como um gay pode ser aquele que sai se oferecendo para todos os homens que ele ache que sejam bem dotados, há muitos que respeitam os outros e são educados, finos e vivem de forma harmoniosa com os demais que não são homossexuais.


Como Acabar?

É preciso ver que uma profissão, o lugar onde a pessoa mora ou até mesmo a cor não rotula o caráter. Se quisermos uma sociedade com mais amor e compreensão, é necessário que se tenha convívios com as pessoas independentes do que o preconceito carrega em relação a elas. O jovem hoje vai à escola e tem o seu grupinho e não se entrosa com os demais. Então se por falta de informações dos pais, os amigos bitolados disserem que os emos são tudo de ruim, quem estiver junto irá pensar o mesmo. Tudo isto seria resolvido se o programa educacional do Brasil tivesse mais foco em fazer com que os alunos se conhecessem e que os jovens se relacionassem. Se um garoto que aos 12 anos xinga um outro porque este se parece com um homossexual, junte-os e dê a eles metas e trabalhos a ser realizados juntos. O preconceito e a discriminação acabam quando há o contato com os grupos, desde que eles tenham a mesma importância e o mesmo objetivo para ser alcançado, de maneira que um dependa do outro. Vai  ser difícil pegar todos os negros, branco, homossexuais etc e uní-los para colocar metas, iria ser uma gincana nacional. Mas se for feito desde os primeiros anos de vida, o preconceito e a discriminação estarão cada vez menos presentes nas sociedades.


Há décadas que estudos voltados para a formação de preconceitos são realizados, porém não chegam a um consenso se eles são frutos da sociedade ou da biologia de cada indivíduo, aumentando a intolerância e a adoção de medidas punitivas que resultariam na discriminação. Também é impossível pensar que você e eu nunca sentimos, uma vez sequer, preconceito com alguém ou um grupo. Outra coisa é saber que alguém não presta e generalizar para os demais. Se uma banda de rock faz apologia às drogas, nem todos que gostam deste tipo de música será usuário. Mas se conhece alguém que trafica e utiliza, não irá ficar andando com este indivíduo para baixo e pra cima, mas não irá discriminar. Nem todo negro e favelado é traficante. Na verdade, nas áreas carentes é onde mais se têm trabalhadores, enquanto na zona sul o jovem rico tem grande oportunidade de comprar drogas. É difícil não ter o sentimento de preconceito, porém é tudo diferente quando conhecemos o outro e chegamos à conclusão que todos nós podemos ser iguais.

23 comentários:

  1. Questionario para vc..
    http://historiasdepamela.blogspot.com/2011/01/um-pouquinho-de-mim.html

    ResponderExcluir
  2. eu acho isso muito horrível pois somos todos iguais e se tem homossexual no mundo e dai são como todos nos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. siim e verdade mais tem gente que é contra os homossexual isso para mim e beterar eu tenho amigos(a) de todos os sexes

      Excluir
  3. ser negro e bom por que todos os negros como eu são bonitos e sarados ai como eu tó bandida

    ResponderExcluir
  4. todos tem que ter o mesmo tratamento brancos,negros,pardos,ricos e pobres pois na verdade somos todos irmãos e essas coisas de racismo não existe isso e coisa da mente das pessoas.
    vamos lutar pelo preconceito!!!;-)*_*
    ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza vale a pena assim faremos uma sociedade melhor e quem sabe um mundo melhor.

      Excluir
  5. Boa noite!Infelizmente esses sentimentos ainda existem e são vistos com muita frequência.Acho que se houvesse uma mudança na constituição em relação a isso tudo melhoraria.Acontece que as pessoas perdem muito tempo cuidando da vida das pessoas e esquecem delas mesmo.O tratamento deve ser o mesmo para todos.A ignorância ainda existe em grande quantidade na mente das pessoas.Juntos podemos lutar por isso.

    Gostaria de deixar meu email de contato.
    yagosurcin@hotmail.com

    Um Grande Abraço.
    Yago

    ResponderExcluir
  6. Todo NEGAO tem seu valor 666'
    kkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  7. pode colocar algumas dicas de como acabar com a discriminação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pode sim querida(o).( se eu entendi bem, vc esta perguntando se "eu" posso colocar ou se vc pode coloca?)
      sendo o que for aí vai algumas dica:
      trate as pessoas como a sí mesmo ou como vc gostaria de ser tratado(a),esteje sempre de bom humor com os outros, evite dar patadas, se vc estiver de mal humor evites ir a parques ou lugares ao qual vc tem certeza que alguem vai te tirar do sério, não seja Inconveniente, e se vc for incoveniente evite estar com pessoas incovenientes mas sem discriminálas. Bom, não sei se vc vai gostar mas caso não goste pode colocar ai! eu não me empoirto, é bom que eu aprendo a julgar os outros com os olhos da pessoas não com os meus bjs!

      Excluir
  8. Eu acho que pra acabar com isso,só o governo pagar um curso de bons modos nas escolas,principalmente para os professores,assim eles aprenderão e ensinarão os aluno.Esse mês fui alvo de uma professora que dá aula pra mim e minha irmã,pois eu sou mais lenta em aprender,prestar atenção e guardar na memória,tirei notas baixas,sei que é culpa minha,mas a professora falou muito mal de mim e me humilhou demais na frente de todos os alunos da sala da minha irmã Sabrina,depois de falar muito,ela pensou um pouquinho e com medo de perder o emprego ou ser presa,disse que eu poderia até melhorar,essa mulher não serve para lidar com alunos ou com niguém.Sou a Bruna Camilo Porto 13anos Barueri,escola Raposo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna Camilo Porto, Einstein também tinha dificuldade para aprender algumas coisas na escola e até tirava notas ruins, mas isso não significou que ele não fosse inteligente. O sistema escolar vigente nem sempre consegue ser o mais adequado para alguns alunos, isto porque todos nós somos diferentes. Burra e ignorante são pessoas que se dizem professores que chegam ao ponto de ter uma atitude como essa profissional. Não dê importância para isso e siga em frente, afinal a vida é sua e tu sabes como ninguém, que é capaz de aprender e tirar notas boas. Também não trate esta professora com diferença, demonstre as suas dúvidas quando existir e que não guarda rancor e muitos menos mágoa, afinal as boas pessoas relevam erros e atitudes infelizes do próximo.

      Beijos!

      Excluir
  9. Olá, o principal exemplo de como abar com o preconceito e a discriminação estão dentro do texto.

    abraços!

    ResponderExcluir
  10. me ajudou muito obg *-*

    ResponderExcluir
  11. Quando podemos conhecer o outro e nos igualamos vemos que todos somos iguais a pesar das diferenças.

    ResponderExcluir
  12. n julgue pela aparencia pois a verdadeira perssonali

    ResponderExcluir
  13. iço serve para trabalho de escola ...

    ResponderExcluir
  14. Em minha opinião ser preconceituoso e "discriminado" é muito bizarro pois quem somos nos para julgar um aos outros meso convivendo em uma sociedade super iper mega misturada somos todos irmãos em Cristo e mesmo com nossas diferenças o que podemos fazer? não existe ninguem igual a ninguem nem se ticer um irmão gémio ele não vai ser totalmente igual a vc! é isso!

    ResponderExcluir
  15. Texto maravilhoso, como sempre.
    Acredito que quanto mais se falar sobre o assunto, será mais fácil diminuir o preconceito. O novo e o diferente, mesmo que não seja aceito, merece e precisa ser respeitado.

    ResponderExcluir

- Sem palavrões
- Siga o meu blog e avise para que eu também possa te seguir. Se me seguir, adicionarei o seu na "Minha Lista de Blogs"
- Deixe o nome do seu blog no final do comentário

Seu comentário é muito importante! Faça sua pergunta e irei te responder assim que possível!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...